MP oferece denúncia contra advogado envolvido em colisão que vitimou homem

O acidente ocorreu em dezembro de 2021 e além da vítima fatal outras três ficaram feridas
Por Redação

O Ministério Público do Estado do Piauí ofereceu, na terça-feira (10), denúncia contra o advogado Marcus Vinicius de Queiroz Nogueira, pelos crimes de homicídio e tentativa de homicídio, ambos duplamente qualificados, sendo uma das tentativas agravada pela menoridade da vítima. O réu também foi denunciado pelo crime de tentativa de evasão do condutor do local do acidente, tipificado no Código de Trânsito Brasileiro.

Segundo a denúncia, o advogado provocou a colisão que ocorreu na noite do dia 02 de dezembro de 2021, no cruzamento entre as avenidas Higino Cunha e Odilon Araújo, zona sul de Teresina. Imagens de câmeras de monitoramento obtidas pela justiça, mostram que o advogado ingeriu grande quantidade de bebida alcóolica pouco antes da ocorrência. Desconsiderando os apelos de amigos, ele assumiu a direção de seu veículo, conduzindo-o em velocidade elevada.

>> Confira a tabela dos jogos e classificação dos campeonatos nacionais.

O MP apurou que após desobedecer a sinalização semafórica no cruzamento das vias, atingiu um carro que transportava quatro pessoas: um homem de 53 anos, duas mulheres e uma criança de apenas oito meses de vida na época do fato.

Para o Ministério Público, há indícios suficientes de autoria e prova da materialidade delitiva. “Consideradas as particularidades do evento em análise, especialmente a manifesta alcoolemia acentuada do acusado, associada à condução de veículo em alta velocidade e a desobediência à sinalização semafórica, têm-se, de maneira indubitável, a configuração de uma ação dolosa”, diz a denúncia.

Ao receber a denúncia, o Judiciário deverá citar o réu para que responda à acusação no prazo de 10 dias. Marcus Vinícius Nogueira segue em liberdade, com uso de tornozeleira eletrônica.

Saiba mais sobre: